Tags

, , ,

San Martin e Sint Maarten

image

Uma pequenina ilha do Caribe com 32 praias. Sol radiante, água de um azul anil, transparência indescritível e quente, com uma população muito agradável – lugar agradabilíssimo para descansar!

image

A ilha é dividida por uma linha imaginária em duas nacionalidades, ao sul pertence à Holanda, mas com o inglês como idioma oficial e com população de 80 mil habitantes. Ao norte, pertence à França e mesmo tendo como idioma oficial o francês, todos falam inglês. A população é de 40 mil habitantes.

De maio a dezembro tem maior probabilidade de chuvas e embora o período de setembro, quando eu fui, e novembro sejam propensos a furacões (são raros) a temperatura é excelente, mínima de 27 graus, sol muito forte, à noite refresca, mas não tem vento, é muito agradável, assim, é uma excelente época para visitar a ilha, os preços dos pacotes estão melhores, tem menos turistas e você curte muito.

Prevalecem o dólar americano na parte inglesa e o euro na francesa, embora aceitem dólar em ambos os lados. No entanto, o câmbio euro/dolar pode nao ser convidativo, assim, sugiro levar as duas moedas.

COMO CHEGAR: voamos pela Copa Airlines, Que tem quatro vôos por semana para a ilha, fizemos Brasilia ao Panamá, seis horas de viagem e de lá à Saint Martin, mais 3 horas.

Mas as companhias aéreas KLM, Air France, Delta, American Airlines e outras menores também têm vôos pra lá.

image

O vôo pela Copa, embora saia de Brasilia às 02:30, foi agradável, a aeronave é confortável, espaçosa, atendimento bem simpático. De quebra você tem, na ida ou na volta a possibilidade de optar por vôo que lhe permita ficar algumas boas horas no duty free do aeroporto do Panamá, que é enorme. Você encontra, MAC, Apple, Carolina Herrera, Lacoste e muito mais.

ONDE FICAR: nós optamos em ficar no lado holandês, Sonesta Maho beach Resort e Spa, http://www.sonesta.com/mahobeach , all inclusive, localizado na praia Maho, do aeroporto são três minutos de taxi e custa 8 dólares, mas se vc der 10, fica por isso mesmo.

Não confunda com outros dois Sonestas existentes na ilha, sobretudo com o http://www.sonesta.com/greatbay, que embora localizado na Great Bay beach, é bem menor a infraestrutura.

image

O hotel Hotel Sonesta Maho tem praia particular, mas não hóspedes podem entrar e é point obrigatório visita essa praia para assistir o por do sol e os aviões chegando e deixando a ilha.

image

image

No canto contrário ao hotel ficam dois bares onde está disponível a agenda das chegadas e partidas dos vôos, facilitando aos turistas que não estão hospedados aí, presenciarem o show das decolagens e aterrisagens. O povo se aglomera na grade do aeroporto para ver e sentir a vibração e o vento dos aviões.

image

A praia de água cristalina, é de um azul turquesa maravilhoso, morna e quase sem ondas, excelente para relaxar e para crianças.

O serviço all inclusive, que na verdade não gosto muito, comparado com outros que já visitei, está entre os melhores. Cerveja de quatro marcas, vários drinques, embora eu não goste, acho tudo doce demais, espumante razoável, vinhos sofríveis.

Café da manhã bem variado e farto, tomado no restaurante que fica na areia, o que lhe permite iniciar o dia apreciando a beleza do céu e do mar.

image

image

Possuem três restaurantes, mas um deles está em reforma, a comida é variada e saborosa, muita salada com frutos do mar, peixe, carnes de porco, vaca e frango.

Uma dica nesse hotel é pedir apartamento com vista para o mar e em andar alto, o sétimo é o melhor, pois do contrário, mesmo de frente para o mar, não o enxergará, pois tem muita plantação na frente. A piscina é enorme e bonita, com bar molhado.

Diariamente tem programação: festival de chocolate, noite com música e comida latina, fogueira na praia, shows diversos. Como o nome do hotel já diz, tem também um Spa onde o casal pode receber 50 minutos massagem, lado a lado, por 150 dólares.

Ah, e se você quiser oferecer um jantarzinho romântico na praia, para seu par, é só falar com o concierge e terá um serviço especial, tudo à luz de velas e garçom enluvado e tudo.

Além do cassino do hotel, que é pequeno, atravessando a rua fica um Cassino. Vale visitar e fazer uma tentativa pelo menos no caça níquel. Na mesma rua estão algumas lojas, inclusive uma delas só com produtos brasileiros, sandálias, sapatos, biquinis, roupas diversas. Também algumas joalherias, sorveteria, bares e restaurantes,um deles, japonês.

Como uma das melhores formas de conhecer as praias e os bairros da ilha é locando um carro, o hotel também oferece estacionamento por 5 dólares o dia, super confortável e seguro.

Se não conhece ainda essa ilha, planeje e vá, é um paraíso
Veja post sobre as praias.

Anúncios