Tags

, , , ,

Depois de um bom cafe da manhã do hotel Sonesta Maho fomos para nosso terceiro dia de aventura – conhecer mais praias da ilha de Sint Maarten e Saint Martin.

image

Cabe ressaltar que o GPS não está registrando a nova ponte e manda para um caminho que contorna boa parte da ilha para chegar a Marigot e praias francesas, assim, siga em direção ao aeroporto Princess Juliana, lado Holandês.

Passando o aeroporto, mantenha-se à esquerda até visualizar uma grande e moderna ponte, siga por ela, pois encurtará o caminho à metade.

Seguimos em sentido à Marigot, capital do lado francês e onde fica o porto e uma imensa marina. Você tem que sair da rua principal e entrar na cidadezinha, vale a pena conhecer, é bem charmosinha.

image

image

Em frente ao porto estão algumas lojas tax free, seguindo encontrará outra famosa patisserie Sarafines, que pela fama é a melhor do local, com maravilhosos croissantes, tortinhas, quiches e bons lanches, com preços justos, mas estava em reforma.

Há também um shopping com uma bonita decoração, atente para a escultura em bronze, silhueta de uma mulher, na entrada central – achei linda. No segundo andar tem um Spa e outra patisserie.

Saímos em direção à Grand Case, como todo o lado francês, os bairros são bem mais simples, parece uma cidadezinha do interior brasileiro. Mas o Grand Case, embora simples, tem uma rua chamada Boulevard de Grand Case, paralela à praia, onde se concentram simples, mas charmosos restaurantes franceses, como o Le Ville (fechado às quartas-feiras) e o Cottage, que abrem as 17h30, cardápios um melhor que o outro, e à noite, a rua fica movimentada, pessoas andando de um lado a outro, escolhendo onde jantar. Às terças a partir das 19h, tem música ao vivo, mas isto será outro post.

A praia de Grand Case Beach é uma enseada, rodeada por morros. De frente para o mar, bares e restaurantes que dão uma boa estrutura, tanto de barracas como de comes e bebes. Os preços são em euro e como já mencionei noutro post, é melhor ter euro em espécie pois para usar dólar, a cotação é 1×1 (lembre que cartão de crédito brasileiro, agora tem 6,38% de IOF). Bom local para morgar…….

image

Uma boa opção para hospedar-se nessa praia é o hotel Love, de frente para o mar, com uma boa infraestrutura de praia, esportes aquáticos e bom cardápio.

image

Outra opção é alugar apartamentos como deste prédio, pé na areia.

image

Seguimos para Orient Beach, ainda lado francês é uma das praias mais estruturadas e chic, com maior movimentação. Fica dentro de um condominio de casas, com hoteis e vários restaurantes. Uma possibilidade de hospedagem é no La Plantation, hotel, restaurante e café, que fica bem próximo à praia.

Do lado direito da praia é reservado para nudismo e do esquerdo, você encontra vários restaurantes, como o Bikinis Beach que tem, na areia, grandes mesas rodeadas de bancos com colchões macios, em roxo, dando um look especial, o ambiente interno também é muito confortável e fresquinho. Saboreamos aí um delicioso Magret de Canard, que só não bateu o do Chef Chico Táváres.

image

A cor da água já não é tão azul, pende mais para o esverdeado e tem muito sargaço na areia. A praia tem infraestrutura que oferece muitos esportes como banana boat, pula snorkling, jetski, dentre outros.

image

image

Continue conhecendo outras praias no próximo post e venha conhecer a ilha!!!!!!

Anúncios