Tags

, , , ,

CURAÇAO em uma semana

image

Curaçao que significa a arte de curar, está localizada no Caribe, ao sul do mar das Caraíbas, possui 444 km2 e 180 mil habitantes. Pertence ao Reino dos Países Baixos – Antilhas Holandesas,juntamente com Aruba e São Martin.

Recebeu o nome de Curaçao em face à cura dos imigrantes que eram rapidamente curados ao chegarem à ilha com escorbuto em decorrência ao comsumo de uma fruta que veio da Europa mas que se modificou para adaptar-se ao clima seco local, tipo uma laranja. Essa fruta, rica em vitaminha C, é a matéria prima do famoso licor Curaçao.

image

Sua capital é Willemstad, dividida em Otrobanda, mais residencial e Punda, com mais atrativos, ambas ligadas pela ponte flutuante – Juliana.

image

A cidade tem uma característica muito própria, as casas são pintadas com cores bem fortes, uma diferente da outra, o que dá um viusal muito alegre e charmoso. A cultura está tão enraizada que é expressada de forma artística, nas placas de carro, veja na foto que lindinho!!!

image

image

A paisagem da ilha lembra o nosso agreste nordestino, solo bem pedregoso e seco, com vegetação de caatinga, espinheiros e cactos de diversas espécies.

image

A moeda local é o Florim das Antilhas, chamada pelos locais de Gulden. Cada USD $1 equivale a 1,77 Nafl que tem cotação fixa. Embora o comércio local aceite dólares é melhor fazer o câmbio, pois desvalorizam a moeda estrangeira. Você pode trocar seus dólares no aeroporto, Banco Maduro e Curiels -MCB, à direita, saindo do prédio do aeroporto, boa coisa para fazer enquanto espera a locadora entregar seu carro.

O idioma oficial é o papiamento, uma combinação de holandês, espanhol e português, com algumas palavras muito próximas às nossas, que você até consegue adivinhar a mensagem de alguns outdoors, mas, quando ouve uma conversa – aí não da para entender nada. Não se preocupe, todos falam também holandês, inglês e espanhol e por incrivel que pareça, alguns arranham bem o português e entendem quando se fala devagar.

O povo local é muito amigo, gentil e prestativo, nas lojas, atendem muito bem e por duas vezes, ao pedirmos informação, as pessoas pegaram seus carros e nos levaram ao lugar.

Para se locomover na cidade, a melhor maneira é alugando um carro com GPS, pois a sinaliazação não é boa. Algumas das praias mais lindas ficam distantes, taxis são bem poucos e ônibus também. Assim, ainda no aeroporto, além de fazer o câmbio, pegamos o carro que já havíamos reservado com a Hertz, uma Suzuki de sete lugares por USD 487,16 para sete dias.

Ressalto que a sinalização para as praias não é das melhores e os GPS não possuem mapa de Curaçao. É necessário comprar aplicativo com mapa específico, ou alugar um GPS com o carro (o que deveríamos ter feito) ou, ainda, usar o waze, baixando os endereços quando conectado na internet e depois usando a localização off line, é um pouco lento mas dá uma boa ajuda.

Ficamos sete dias na ilha, foi excelente, mas ainda ficaram lugares e restaurantes por visitar, assim, recomendo que o tempo ideal para poder conhecer, com calma, os principais lugares são dez dias.

COMO CHEGAR: pegamos uma promoção pelo Melhores Destinos, passagem por R$ 1.300,00, voando pela Copa Airlines. Saímos de Brasilia às 02:20 da manhã com conexão de três horas no Panamá, ótima opção para compras no freeshop, Mac, eletrônicos, chapéu Panamá, vinhos, esmaltes, cremes, etc. Saímos às 9:18h da manhã para Curaçao, chegando às 12:30h com 27 graus de temperatura e um lindo e brilhante sol.

ONDE FICAR: pela primeira vez decidimos experimentar a Airbnb, aluguéis de casas e apartamentos. Tivemos uma excelente experiência, a comunicação com os proprietários foi muito fácil e ágil.

Ficamos numa casa com vista para o mar,  (luxurious apartment with ocean view – nome no Airbnb) localizada no condomínio Boca Gentil, em Jan Thiel, com três quartos, uma suite master linda, e os dois outros quartos, com banheiro conjugado, uma ampla sala de estar e uma enorme e deliciosa varanda, com outra mesa de jantar e sofás, uma belíssima piscina ao lado. O endereço é Sunrise, 01, Willemstad. Para sete dias, pagamos USD 1.617.

image

image

Nesse condominio ficam os restaurantes Papagaio e Zanzibar, famosos na cidade, sorveteria, restaurante japonês, o mercado Van Den Tweel, com bom preço, produtos variados, muitos holandeses e uma padaria que não faz vergonha a nenhuma boulangerie, que facilita muita a vida diária e os passeios para as praias públicas, sem infra.

Existem boas opções de hotéis na cidade, como Hilton, no entanto conhecemos pessoas que se hospedaram lá que acharam que o servico deixa a desejar. Vale a pena ver o preço do Hotel Papagaio, pela vantagem da estrutura do resort. Na praia Kalki também tem um ótimo resort, mas fica distante do centro.

O QUE FAZER:
Depois de providenciar o câmbio e pegar o carro, seguimos para a casa que alugamos, que fica em Punda, No aeroporto tem acesso wifi grátis, baixamos o endereço da casa no waze. Tivemos um pouco de dificuldade para encontrar, perdemos algumas entradas, mas conseguimos chegar ao condominio, depois de encontrar um Centro de Atendimento ao Turista, onde fomos muito bem atendidos, saindo com um mapa feito pelo funcionário do local, acompanhado de muita explicação.

image

No condominio fomos recepcionados logo no portão de entrada pelo Serge, proprietário da casa, um holandês muito agradável que mora em Curaçao há 12 anos. Levou-nos ao endereço Sunrise 1, “nossa casa” para sete dias!!! Mostrou-nos cada cômodo, orientou sobre senha de internet, ofereceu-nos cerveja geladinha e iniciamos os trabalhos…

image

Primeiro dia: deixarmos a bagagem e fomos conhecer o condominio, lindas casas, piscina bem ao lado da casa, e descendo para a praia, 3 minutos andando, toda a área de lazer, piscina de borda infinita, praia com ótima infraestrutra, Spa, vários restaurantes, como Zanzibar e Papagaio. Tudo à nossa disposição!!! Bom demais!!!

Depois de horas de viagem e somente com refeições de avião, decidimos fazer um lanchinho no Papagaio, pratos deliciosos acompanhados por uma bela vista para o mar e o entardecer.

image

Uma passadinha no mercado do condominio para abastecermo-nos para o café da manhã e para a “farofa” típica de um dia de praia em Curaçao, claro, nas prais públicas, pois não dispõem de infra-estrutura e ninguém é de ferro né!!!

Um soninho reparador, recuperando energia para o segundo dia. Veja no próximo post https://sylviayano.wordpress.com/wp-admin/post.php?post=744&action=edit&message=1

CURAÇAO – águas límpidas e de um azul indescritível!!!!

Você vai gostar de conhecer!!!

Anúncios